Quinta-Feira, 14 de Dezembro de 2017 -
     
 


Aluno da Escola Agrícola Municipal lança livro e expõe sua 1ª obra na Feira do Livro de Sertãozinho



O estudante colinense, Gabriel Santos Souza, de 14 anos, aluno do 8º ano A da ETAM – Escola Técnica Agropecuária Municipal “São Francisco de Assis”, que teve sua visão comprometida, devido a um problema ocular, lançou o seu primeiro livro: “Magno O Espantalho” no final do último mês de junho nas dependências da unidade escolar e irá expor sua obra ao público, durante a abertura oficial da 13ª Feira do Livro de Sertãozinho, no próximo dia 01 de setembro.

Incentivado e apoiado pela equipe escolar (direção, coordenadores, professores, funcionário e alunos) e por seus pais, ocorreu, em sala de aula, a ideia de se fazer o registro de um de seus “causos” e, assim, a iniciativa se transformou em um livro.

A criação da capa é fruto do trabalho do Artista Plástico, Escritor Infantil, Roteirista, Cartunista, Chargista, Caricaturista, Ilustrador, Design Gráfico e Educador Social, Júlio Cesar da Silva, o “Julinho Sertão”, que atendeu prontamente ao pedido da Escola Técnica Agropecuária Municipal “São Francisco de Assis”.

Na 1ª edição foram lançados 200 exemplares, que foram possíveis pela valiosa colaboração dos proprietários da Fazenda Buracão (senhor José Estanislau Queiroz Guimarães e a senhora Maria Diederichsen Villares), representados por Maurício Pavão, dos empresários Bortolo Retífica de Motores, bem como dos empresários da família de Riad Sammour.

Sobre o autor – Desde muito cedo, o jovem Gabriel desenvolveu o gosto por criar e contar histórias, especialmente narrativas de mistério, suspense e terror. Estudioso e dedicado, é destaque da turma por seu compromisso e respeito aos estudos. Possui gostos variados, é um cowboy que gosta de tocar flauta. Possui uma personalidade serena, tranquila, gosta de criar enredos de terror e reunir os amigos para partilhar de uma boa história.

O livro – “Magno O Espantalho” é horripilante, envolvente, com trechos de mistério e momentos assustadores. Daqueles enredos que levam o coração à boca, aguçam a curiosidade e fazem com que o leitor permaneça atento à suas páginas do começo ao fim.

O Prefeito Municipal de Colina, Dieb Taha parabenizou o jovem escritor Gabriel e destacou que a obra é fruto da dedicação do aluno e do bom trabalho desenvolvido pela escola. “Gabriel é motivo de orgulho para a cidade e, em especial, para a Rede Municipal de Ensino, demonstrando a força criativa dos jovens colinenses e que estamos no caminho certo, oferecendo orientação e ensino de qualidade”,

Dieb Taha agradeceu, em especial, a iniciativa dos patrocinadores: os proprietários da Fazenda Buracão, senhor José Estanislau Queiroz Guimarães e a senhora Maria Diederichsen Villares, representados por Maurício Pavão, os empresários Bortolo Retífica de Motores e os empresários da família de Riad Sammour e, parabenizou toda a equipe da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, pelo trabalho eficiente desenvolvido junto às 13 unidades da Rede Municipal de Ensino e pelo incentivo à produção cultural.

Tetê Poliseli
Assessora de Imprensa
Prefeitura Municipal de Colina